quarta-feira, 15 de setembro de 2021

MINUTO DE SILÊNCIO - CURIOSIDADE



Hoje em dia é comum fazer um minuto de silêncio para homenagear uma pessoa que morreu. Uma prática que já virou tradição em vários países. Fui atrás para saber a origem do minuto de silêncio. Descobri que tudo começou em Portugal em homenagem ao brasileiro Barão do Rio Branco. Está lá na Internet: O ministro dos Negócios Estrangeiros do Brasil era muito querido em Portugal. Foi um dos primeiros estadistas a patrocinar o reconhecimento da República portuguesa, em 1910. José Maria da Silva Paranhos Junior era filho de um diplomata que tinha o titulo de Visconde do Rio Branco. A morte desse carioca no dia 10 de fevereiro de 1912 teve muito impacto no  Brasil. O governo decretou luto e transferiu o carnaval. Só que o folião carioca. nesse ano, brincou duas vezes.


Barão do Rio Branco

Em 13 de fevereiro de 1912, a Câmara dos Deputados Portuguesa, sob a presidência de Aresta Branco, homenageou o Barão do Rio Branco, suspendendo a sessão por meia hora, como era tradição. Mas na reunião do Senado seguinte,  houve inovação na forma de homenagem. O Diário de Notícias informou que o " presidente do Senado, recordou os altos serviços por aquele estadista prestados ao seu país e  que honrou também  as tradições lusitanas da origem da sua família e por tudo isso propôs que durante dez minutos, e como homenagem à sua memória, os senhores senadores, se conservassem silenciosos nos seus lugares.

E assim se cumpriu o primeiro momento de silêncio de que se tem notícia, tradição que se prolongou até aos nossos dias. Depois desta primeira ocasião, sempre que alguém passível de homenagem falecia, o Legislativo português repetia o gesto, tendo, com o tempo, diminuído a duração do silêncio de dez para cinco minutos, e mais tarde para o atual minuto de silêncio.

Não tardou a que as diferentes casas legislativas da Europa copiassem o modelo português, tendo a tradição passado para os mais diversos contextos como forma de homenagem a alguém. Hoje, É muito comum o minuto de silêncio em campo de futebol, antes do inicio de um  jogo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

HEBDOMADÁRIOS CEARENSES

  Wilson Ibiapina Jornais de pequenas cidades do interior do Ceará, principalmente no século passado, sempre se manifestavam em defesa de ca...