terça-feira, 5 de agosto de 2014

BRASÍLIA PARA PRINCIPIANTES






Quem chega a Brasília pela primeira vez, fica impressionado com o silêncio que reina nas largas vias da cidade.  Nada além do barulho dos carros. Se ouvir uma buzina deve ter sido acionada por um morador ou visitante novato que não viu a placa que tem logo na entrada: SEJA BEM-VINDO. EM BRASÍLIA EVITAMOS BUZINAR.  O motorista impaciente, intolerante, apressado substitui a buzina por um sinal de luz.


Mas o que é mesmo impactante para quem chega pela primeira vez, é a sinalização da cidade, Aí sim, vai precisar de paciência para aprender as siglas que identificam e denominam os lugares.


Não adianta reclamar, pois  trata-se de um padrão que vem desde o projeto do urbanista Lúcio Costa, o famoso Plano Piloto, que ganhou o concurso na hora de se construir a cidade. Ainda na planta ficou estabelecido que os endereços de Brasília seriam identificados por um padrão  alfanumérico.

Para compreender e poder locomover-se é necessário saber o que é SQS (Super Quadra Sul). Nunca um brasiliense vai pedir ao taxista que o leve à Super  Quadra Norte. Vai ver logo que não é daqui. Nós abreviamos, recorremos logo à sigla: SQN. Eu, por exemplo, moro na SHIN QI-6, Ao motorista peço apenas que me leve à QI 6 do Lago Norte.

Outras siglas mais complicadas:

SCTM: Setor Cultural Norte: SBS: Setor Bancário Sul; SCLRS: Setor Comercial Local Residencial Sul SPP: Setor Palácio Presidencial, é lá que estão o Alvorada e o Jaburu, residências oficiais do presidente e do vice.

O CADF será o novo endereço da administração do Distrito Federal. O Centro Administrativo do Distrito Federal está sendo construído em Taguatinga e vai abrigar as secretarias e o governador que deixará o Palácio Buriti, no Eixo Monumental, para recepções e cerimonias.

O Eixo Monumental é o bojo do avião que caracteriza o formato do Plano Piloto. Numa ponta, na parte W (West) ficam os prédios do GDF, Governo do Distrito Federal, memorial JK, museu do Indio. Na outra ponta L (Leste) ficam a esplanada dos Ministérios, praça dos 3 Poderes, Teatro Nacional Museus, Biblioteca Nacional e a Catedral. Nas Asas Norte e Sul do avião ficam os setores residenciais. E bem no centro, nu cruzamento dos eixos, está a rodoviária.

As siglas – SHLSW (Setor Hospitalar Local Sudoeste) HRAN (Hospital  Regional da Asa Norte), SMU (Setor Militar Urbanos precisam ser decoradas senão você não chega a lugar nenhum. 

Diante de  tantas  siglas,  um dia o físico Rodger Rogério perguntou ao jornalista  Francisco Augusto Pontes, recém chegado do Ceará para ensinar na UNB e trabalhar na Rede Globo: 

 - E aí Augusto, já  aprendeu  a  andar em  Brasilia?

- Não. Ainda estou nas primeiras letras. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

UM CEARENSE SURREAL

Wilson Ibiapina Darcílio Lima ainda jovem, no apogeu criativo O cantor e Compositor Raimundo Fagner, que também é pintor, foi quem lembrou-m...