segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

ACONTECE CADA UMA ....


Essa o   arquiteto cearense Totonho Laprovítera, que  gosta de contar causos - escreveu até um livro -  diz que presenciou. Estava na hora em que o amigo dele, Valdim, chegou ao bar do Josias, um velho amigo que não via desde que ele trocou de endereço: 
- E aí, como estão os meninos?  
Foi a deixa pro Josias começar a contar:  
– Meu mais velho continua aprontando. Semana passada, inclusive, me afobei e perguntei: - mas rapaz, como consegue fazer tanta besteira num só dia?
E ele: - acordando cedo, pai.
Mas, já o outro filho, o Ricardo, só vive dando alegria pra gente.
O que ele faz?
- O menino não solta os livros. Estuda sem parar. Outro dia, ele tava agarrado com um livro e eu perguntei: 
- meu filho, tá estudando o quê?
 - Álgebra, papai.

- Taí,  achei bonito. Achei tão bonito que um dia, o restaurante aqui tava lotado, todas as mesas ocupadas. E eu, orgulhoso, só pra me mostrar, perguntei pra ele na frente de todo mundo: - Meu filho, como é mesmo que se diz bom dia em, álgebra?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

UM CEARENSE SURREAL

Wilson Ibiapina Darcílio Lima ainda jovem, no apogeu criativo O cantor e Compositor Raimundo Fagner, que também é pintor, foi quem lembrou-m...